Páginas

Quem sou eu

Minha foto
Sou a simplicidade casada com a verdadeira essência de um ser. Venho de uma família onde todos trazem e trouxeram em suas bagagens um código espiritual único e capaz de transformar palavras em frases complexas e simples, que ampliam horizontes e rompem barreiras. Sou filha do vento, da água, da terra e do fogo. Tenho minhas fases e mudo conforme a Lua. Sou a busca do exato, na medida disforme das coisas que vejo, e minha mente transcreve. Hoje criando este blog, mostrarei o que em gavetas escondia. Beleza, sinceridade, sede de transcrever o que minha alma sente ao se deparar com uma folha e um lápis, pois é desta forma que escrevo. Na simplicidade de um canto qualquer, mas com essência pura dos sensíveis.

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

IRISAR



Tornei-me um arco-íris depois da chuva fina que no horizonte despontava.
Irisar foi o momento que comecei aparecendo com as cores luminosas e brilhantes que em um arco, as gotículas caiam sem penetrar no grande mistério do arco-íris.
Os pássaros bailavam, dançando com as cores que eram vistas e colorindo suas plumagens.
O bailar das cores, encantou a própria natureza.
Irisar os vales, montanhas, rios, mares, é um espetáculo de matizes naturais que são próprias dos seres interiorizados com seu Eu e com o Universo.
Irisar a vida é dar sentido a cada momento em cor diferenciada, plantando cores,
Colhendo luz nos momentos que meditava.

Nenhum comentário:

Postar um comentário