Páginas

Quem sou eu

Minha foto
Sou a simplicidade casada com a verdadeira essência de um ser. Venho de uma família onde todos trazem e trouxeram em suas bagagens um código espiritual único e capaz de transformar palavras em frases complexas e simples, que ampliam horizontes e rompem barreiras. Sou filha do vento, da água, da terra e do fogo. Tenho minhas fases e mudo conforme a Lua. Sou a busca do exato, na medida disforme das coisas que vejo, e minha mente transcreve. Hoje criando este blog, mostrarei o que em gavetas escondia. Beleza, sinceridade, sede de transcrever o que minha alma sente ao se deparar com uma folha e um lápis, pois é desta forma que escrevo. Na simplicidade de um canto qualquer, mas com essência pura dos sensíveis.

sábado, 2 de agosto de 2014

Vestido de Voal



Sinto a musica aproximar
Pés soltos e leves a dançar
Inebriada pelo som
Me solto fluindo no salão a bailar
Onde a luz serena e meu corpo rodopiam
São os acordes da juventude ensaiando um espetáculo
Na quadra da vida...
Definidos por histórias de cada momento oferecido.
Revejo os que já partiram... Os que ainda ficam...
O vestido de voal esvoaça entre os véus
É o baile da existência... Saudosas músicas... Belas orquestras...
 Aqui ou no firmamento...
Recordo-me da canção, das pessoas e toda a minha vida...
Numa totalidade geral, sem comprometimento.


                                                                                                                   

Nenhum comentário:

Postar um comentário