Páginas

Quem sou eu

Minha foto
Sou a simplicidade casada com a verdadeira essência de um ser. Venho de uma família onde todos trazem e trouxeram em suas bagagens um código espiritual único e capaz de transformar palavras em frases complexas e simples, que ampliam horizontes e rompem barreiras. Sou filha do vento, da água, da terra e do fogo. Tenho minhas fases e mudo conforme a Lua. Sou a busca do exato, na medida disforme das coisas que vejo, e minha mente transcreve. Hoje criando este blog, mostrarei o que em gavetas escondia. Beleza, sinceridade, sede de transcrever o que minha alma sente ao se deparar com uma folha e um lápis, pois é desta forma que escrevo. Na simplicidade de um canto qualquer, mas com essência pura dos sensíveis.

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

ACORDES E MELODIAS


Luz do abajur
Lençóis espalhados
Dois corpos adormecidos
De tanto bailar nas emoções
Atrelados ao corpo
Unidos espiritualmente
Envolvem-se em laços
Do amor a união
Cúmplices desta caminhada
Mãos soltas
Amizade agarrada
Acordam em sintonia
Beijos, carinhos de pura alegria
Bordam nuances
Aromatizam o ambiente
Formam elos fortes
Aprimoram o convívio
No vai e vem do cotidiano
Durante o dia saudades
Depois à noite, intimidade
Adormecendo nos braços
Da felicidade


Nenhum comentário:

Postar um comentário