Páginas

Quem sou eu

Minha foto
Sou a simplicidade casada com a verdadeira essência de um ser. Venho de uma família onde todos trazem e trouxeram em suas bagagens um código espiritual único e capaz de transformar palavras em frases complexas e simples, que ampliam horizontes e rompem barreiras. Sou filha do vento, da água, da terra e do fogo. Tenho minhas fases e mudo conforme a Lua. Sou a busca do exato, na medida disforme das coisas que vejo, e minha mente transcreve. Hoje criando este blog, mostrarei o que em gavetas escondia. Beleza, sinceridade, sede de transcrever o que minha alma sente ao se deparar com uma folha e um lápis, pois é desta forma que escrevo. Na simplicidade de um canto qualquer, mas com essência pura dos sensíveis.

terça-feira, 13 de outubro de 2009

REFLEXOS DO ONTEM


Minha alma adivinha,o adulto que que finjo na criança que sou.

Apontando a vida com dedos de hoje,repete o que sei.

Buscando a infância livre e despreocupada,que a realidade

traz a memória que não volta.

Recordo feliz, da boneca faceira dos cabelos boiando

em uma banheira. Papai Noel se existisse, talvez

se zangaria, talvez no próximo Natal pra mim

presente não traria.

Relembro de um urso na vitrine sentado,

pobre peludo espera o momento de ir passear.

Imaginava o coitado ,nas minhas mãos distraídas

apertando o fofinho pra lá e pra cá.

De uma infância feliz, que passa tão depressa

e que não volta jamais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário